HTML5 desbancando o Flash

Desde 2004, a W3C trabalhava no desenvolvimento do HTML5. O HTML5 demorou, mas chegou; e chegou para ficar! Todo mundo na internet esperava ansiosamente pelo HTML5 há anos, inclusive o Steve Jobs. As expectativas eram altas, mas o HTML5 está provando que é tudo o que esperavam.

HTML5 x Flash. O HTML5 pode ser visto como um substituto para o Flash. Praticamente tudo o que se faz com Flash (ex: animações, jogos, sites interativos etc) pode ser implementado com HTML5, e vice-versa. Na prática, o Flash ainda funciona em mais de 90% dos computadores, mas o HTML5 já ultrapassou 80% e está rapidamente desbancando o longo reinado do Flash.

animation-html5adobe-flash-icon

Apple x Flash. Quer uma boa razão para utilizar HTML5 em vez de Flash? Simples: Flash não funciona em iOS (ex: iPhone, iPad etc). A Apple nunca aceitou que aplicativos em Flash rodassem em seus dispositivos; as especulações para explicar esse comportamento da gigante da maçã variaram de motivos de segurança (Flash tornaria os dispositivos vulneráveis) a razões de desempenho (Flash seria muito pesado, deixando os dispositivos lentos); não se sabe realmente a razão por trás, mas Steve Jobs sempre apostou no HTML5. Se nem a Apple quis utilizar Flash, o que estamos esperando?

Adobe + HTML5. Os amantes do Flash costumam dizer que ainda é muito cedo e que o HTML5 ainda precisa amadurecer muito para que valha a pena migrar. Bem, esse argumento poderia funcionar em 2011, mas não cola mais em 2014. O HTML5 já é suportado em todos os principais navegadores (Chrome, Explorer, Firefox, Opera, Safari). Quer mais? A própria Adobe, fabricante do Flash, já migrou todos os seus aplicativos de design para HTML5. Ainda em nov-2011, a Adobe já anunciara que pararia de desenvolver Flash para dispositivos móveis; ela passou a investir pesadamente em HTML5 desde então. Aplicativos famosos como o Adobe Illustrator, Adobe Photoshop e Adobe Edge Animate, em suas versões da Creative Cloud, já migraram para HTML5. Se a própria fabricante do Flash já adotou o HTML5, por que resistir em utilizar o Flash?